Buscar médicos ou outros profissionais

Buscar notícias

Menopausa: o que é, sintomas, tratamento e complicações

Escrito por colaboradores editoriais do Cadê Médico

Revisado por:

Menopausa: o que é, sintomas, tratamento e complicações

A menopausa é um evento natural na vida de uma mulher, que marca o fim da fase reprodutiva. Durante este período, o corpo passa por mudanças hormonais significativas que podem resultar em vários sintomas, incluindo fogachos, alterações de humor, diminuição da libido e secura vaginal. Neste artigo, vamos explorar mais sobre a menopausa, incluindo suas causas, sintomas, diagnóstico, tratamento e complicações.

Neste artigo:

O que é a menopausa?


A menopausa é definida como a ausência de menstruação por pelo menos 12 meses consecutivos, marcando o fim da fase reprodutiva da mulher. Geralmente ocorre em torno dos 45 aos 55 anos de idade, mas pode variar entre as mulheres.

Causas da menopausa


A menopausa ocorre quando os ovários param de produzir óvulos e diminuem a produção de hormônios sexuais femininos, como estrogênio e progesterona. Isso geralmente ocorre naturalmente à medida que as mulheres envelhecem, mas a menopausa também pode ser induzida cirurgicamente, como durante uma histerectomia.

Publicidade

Sintomas da menopausa


A menopausa pode causar uma variedade de sintomas, que variam de leves a graves e afetam a qualidade de vida de uma mulher. Os sintomas mais comuns incluem:


  • Fogachos: sensação súbita de calor, rubor facial e sudorese, que podem durar de alguns segundos a vários minutos;
  • Alterações de humor: irritabilidade, depressão, ansiedade e insônia;
  • Diminuição da libido: perda de interesse ou desejo sexual;
  • Secura vaginal: desconforto, coceira e dor durante a relação sexual;
  • Alterações urinárias: incontinência urinária e infecções do trato urinário.

O que acontece durante a menopausa?


Durante a menopausa, o corpo passa por mudanças hormonais significativas. A diminuição da produção de estrogênio e progesterona pode afetar negativamente vários sistemas do corpo, incluindo o cardiovascular, o ósseo e o geniturinário.


Por exemplo, a falta de estrogênio pode aumentar o risco de doenças cardiovasculares, osteoporose e incontinência urinária. Além disso, a falta de estrogênio também pode afetar o cérebro, causando problemas de memória e concentração.

Publicidade

Quais condições causam menopausa prematura?


A menopausa prematura ocorre antes dos 40 anos de idade e pode ser causada por várias condições, incluindo:

  • Falência ovariana prematura: quando os ovários param de funcionar antes dos 40 anos de idade;
  • Cirurgia para remoção dos ovários;
  • Tratamentos de câncer que envolvem radioterapia ou quimioterapia;
  • Doenças autoimunes, como artrite reumatoide ou lúpus.

"É importante que as mulheres conversem com seus médicos sobre os riscos e benefícios de diferentes opções de tratamento e façam exames de saúde regulares.​.."

Publicidade

Quanto tempo duram os sintomas da menopausa?


Os sintomas da menopausa podem durar de alguns meses a vários anos. Para algumas mulheres, os sintomas podem ser leves e não requerem tratamento. Para outras, os sintomas podem ser graves e afetar significativamente a qualidade de vida, exigindo tratamento.


Os sintomas geralmente começam a aparecer alguns anos antes da menopausa real e podem continuar por alguns anos após a última menstruação. O tempo que os sintomas duram varia de mulher para mulher e depende de vários fatores, incluindo idade, histórico médico e estilo de vida.

Diagnóstico da menopausa


O diagnóstico da menopausa geralmente é baseado nos sintomas e histórico médico da mulher. O médico também pode realizar um exame físico e solicitar exames de sangue para medir os níveis de hormônios sexuais femininos, como o estrogênio e a progesterona.

Publicidade

Tratamento da menopausa


O tratamento da menopausa depende da gravidade dos sintomas e das preferências individuais da mulher. As opções de tratamento incluem:


  • Terapia hormonal: a terapia hormonal é um tratamento comum para a menopausa, que envolve o uso de estrogênio e progesterona para aliviar os sintomas. No entanto, a terapia hormonal pode aumentar o risco de certas condições, como câncer de mama e coágulos sanguíneos, por isso deve ser discutida com um médico e usada com cautela.
  • Medicamentos não hormonais: existem outros medicamentos que podem ser usados para tratar os sintomas da menopausa, como antidepressivos e medicamentos para osteoporose.
  • Terapias complementares e alternativas: algumas mulheres encontram alívio dos sintomas da menopausa através de terapias complementares e alternativas, como acupuntura, suplementos de ervas e mudanças na dieta e no estilo de vida.

Publicidade

Tratamentos alternativos e complementares para a menopausa


Além das terapias complementares e alternativas mencionadas acima, há outras opções para o tratamento dos sintomas da menopausa. Algumas mulheres podem encontrar alívio dos sintomas da menopausa através de mudanças na dieta e no estilo de vida, como:


  • Exercício regular: a atividade física pode ajudar a reduzir o risco de doenças cardíacas, osteoporose e depressão, além de aliviar os sintomas da menopausa.
  • Dieta saudável: uma dieta rica em frutas, verduras, grãos integrais e proteínas magras pode ajudar a manter a saúde geral e reduzir os sintomas da menopausa.
  • Relaxamento e meditação: técnicas de relaxamento, como ioga e meditação, podem ajudar a reduzir o estresse e a ansiedade, que podem piorar os sintomas da menopausa.

Complicações da menopausa


A menopausa pode aumentar o risco de certas condições de saúde, incluindo doenças cardíacas, osteoporose e incontinência urinária. As mulheres também podem ter um risco aumentado de câncer de mama após a menopausa.


É importante que as mulheres conversem com seus médicos sobre os riscos e benefícios de diferentes opções de tratamento e façam exames de saúde regulares para detectar quaisquer problemas precocemente


Esperamos que as informações fornecidas tenham sido úteis para você. Agradecemos sua avaliação, pois ela é fundamental para que possamos aprimorar nossos conteúdos e fornecer cada vez mais informações relevantes e precisas aos nossos leitores.

Avaliação 0.00 (0 Votos)

Compartilhe em suas redes sociais.

Artigos Relacionados

Publicidade

Publicidade

Publicidade

ANTONIO CARLOS DE ALBUQUERQUE BANDEIRA (VILA DO ATLANTICO)

Cidade:
LAURO DE FREITAS
Esp. Médica:
INFECTOLOGIA
Categoria:
CLÍNICA MÉDICAMÉDICO
Bairro:
VILA DO ATLANTICO

INSTITUTO PROCARDIACO

Esp. Médica:
CARDIOLOGIACIRURGIA CARDIOVASCULARENDOCRINOLOGIA PEDIATRICAENDOCRINOLOGIA E METABOLOGIA
Categoria:
CLÍNICA MÉDICA
Bairro:
PITUBA
Cidade:
SALVADOR

CLÍNICA SAÚDE E VIDA

Cidade:
SALVADOR
Esp. Médica:
FISIOTERAPIAFONOAUDIOLOGIATERAPIA OCUPACIONAL
Categoria:
CLÍNICA MÉDICA
Bairro:
PARIPE

MARCOS EDUARDO MARTINS DE CAMARGO

Esp. Médica:
CIRURGIA GERALCOLOPROCTOLOGIA
Categoria:
CLÍNICA MÉDICAMÉDICO
Bairro:
CENTRO
Cidade:
CAMPINAS - SP

Publicidade

CONSULTÓRIO ALECSANDRA GALVÃO

Esp. Odontológica:
ESTÉTICAPRÓTESE DENTÁRIA
Bairro:
ITAIGARA
Cidade:
SALVADOR
Categoria:
CLÍNICA ODONTOLÓGICA

TÂNIA LAPA GALVÃO

Esp. Odontológica:
ODONTOPEDIATRIA
Bairro:
ITAIGARA
Cidade:
SALVADOR
Categoria:
ODONTO / DENTISTA

JOAQUIM DE ALMEIDA DULTRA

Esp. Odontológica:
BUCO-MAXILO FACIAL
Bairro:
ITAIGARA
Cidade:
SALVADOR
Categoria:
ODONTO / DENTISTA

ANABELA CRISTINA BREDA CHAVES

Esp. Odontológica:
CLÍNICO GERALORTODONTIA
Categoria:
CLÍNICA ODONTOLÓGICAODONTO / DENTISTA
Bairro:
CHACARA DA BARRA
Cidade:
CAMPINAS - SP